Caráter da decoração

Através do tema adotado no ambiente, é possível, ao entrar na casa do morador, identificar sua personalidade, direcionando o trabalho que será oferecido. Isso trata-se do estudo do efeito psicológico que desejamos transmitir conforme o modo de vida, personalidade do morador e do tipo de móveis que usarão.

Os ambientes, quando planejados, devem reunir um conjunto de elementos que vão conferir à peça um certo caráter que esteja em consonância com o tipo de personalidade dos moradores da habitação. Para fins didáticos, os caracteres podem ser divididos em masculino, feminino, neutro, rústico, luxuoso ou requintado, dentre outros.

Ousado:
Clima descontraído, despojado, contrastante. Combinações arriscadas.

 Rústico:
Madeira bruta, pedra sem polimento, tijolo à vista...
 Neutro:
Não há predominância nem das características masculinas nem femininas.

 Luxuoso/Sofisticado:
Materiais nobres, marcas famosas, tons pastéis...

 Masculino:
Linhas e ângulos retos, texturas ásperas e foscas, padrões lisos, listrados ou  xadrezes, sobriedade nas cores.

 Formal:
Preferido por pessoas de convenções e etiquetas. Rígido e conservador.

Feminino:
Linhas mistas e ângulos arredondados, cores suaves, texturas lisas.


Podemos concluir que os caracteres auxiliam na definição do tema/mensagem que se deseja passar sobre o ambiente e também sobre a personalidade dos moradores. É de suma importância que se decida o caráter do ambiente antes de iniciarmos o planejamento da decoração, porque isso irá ajudar-nos na hora da escolha das padronagens, dos revestimentos e do mobiliário.

Até mais,
Helo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Coloque aqui sua dúvida, sugestão, opinião... obrigada por acessar o blog.

DESCOBRINDO AS CORES | GUIA DE CORES | EP 1

Olá pessoal!!! Hoje dou início a nossa primeira série de vídeos lá no canal!, o GUIA DE CORES!! Serão 5 vídeos, toda segunda-feira d...